PUBLICIDADE
chiquinho
chiquinho

Vizinhas fazem acordo sobre porca de estimação de 308 quilos

PUBLICADO DIA: 31/05/2019
POR: Portal Goioerê
[ssba]

A confusão envolvendo uma porca de estimação em Santo Antônio da Platina, no Norte Pioneiro, chegou ao fim. Um acordo foi firmado entre a proprietária do animal e a vizinha da família, no fim da tarde de quarta-feira, 29.
Adotado por uma família da cidade há 1 ano e sete meses, a porquinha Helena que tem 308 quilos, acabou incomodando uma vizinha. A mulher fez um Boletim de Ocorrência contra a proprietária do animal por mau cheiro, falta de higiene e barulho excessivo. O caso ganhou repercussão nas redes sociais, e a denunciante recebeu várias ameaças. Por medo, ela e a família acabaram saindo de casa para evitar mais problemas.

 


Segundo o delegado Rafael Guimarães, ficou acordado que a denunciante não vai mais se opor a porca permanecer no local, desde que os vizinhos se comprometam a não despejar mais lixo na calçada da frente da casa dela, o muro que divide as residências será reformado e a proprietária da porquinha precisa fazer uma postagem em uma rede social dizendo que a situação foi resolvida.

“As duas colaboraram e foram compreensivas para chegar a uma solução pacífica. Elas querem seguir a vida em paz”, detalhou o delegado.
O acordo foi assinado na delegacia e agora será encaminhado ao Juizado Especial Criminal para ser homologado pela Justiça.
O delegado analisa o acordo como a melhor solução para o caso.
“Diante do rebuliço que causou na cidade, do frenesi nas redes sociais e na perturbação que a situação causou na vida das duas, entendo como a melhor solução alcançada. A dona fica com a porca, os incômodos que a vizinha reclamou serão amenizados, ambas retornam à rotina de vida normal e a delegacia pode voltar a focar suas energias em casos mais graves e que são muitos na cidade”, detalhou Rafael Guimarães.
A dona da porquinha Helena, Amanda Máximo Machado, ficou feliz com o desfecho da história.
“Não conhecia a vizinha, nunca tinha tido problema. Jamais imaginei que causava qualquer incomodo a ela. Essa história demonstra que é preciso ter mais paciência e mais diálogo. A Helena é o nosso xodó e o que importa é que ela vai ficar com a gente. Agradeço a população pela força, porque se não fosse a cidade talvez a Helena não estivesse mais com a gente”, conclui Amanda. (Portal Rondon)

PUBLICIDADE
© COPYRIGHT 2015 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Portal Goioerê