PUBLICIDADE
chiquinho
chiquinho

Homem que matou amásia na Candeias foi preso em Apucarana

PUBLICADO DIA: 21/07/2017
POR: Portal Goioerê
Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on PinterestEmail this to someoneShare on LinkedIn

Foi preso na noite de terça-feira na cidade de Apucarana o ex-goioerense Diego Leonel Fernandes, que em princípio de maio de 2012 foi acusado do bárbaro crime ocorrido na Vila das Candeias quando assassinou a golpes de faca, Cleuza Ribeiro da Silva, na época com 46 anos – conhecida como “Cleuza Chagas”. O crime ocorreu na residência da vítima, na Rua Presidente Médici, na Vila Candeias.
Na época, Diego Fernandes após cometer o crime desapareceu. No entanto, as suspeitas sobre ele recaiu imediatamente após o crime uma vez que ele se relacionava com “Cleuza Chagas”. Informações davam conta de que Cleuza e Diego Leonel vinha tendo desavenças dias antes dela ser morta.
PRESO:

 

Logo após o crime Diego Leonel foi preso e insistiu em negar a autoria do crime, apesar de todas as evidências levantadas pela Polícia apontavam Diego como autor do crime bem como as motivações do crime que envolvida drogas.
CONDENADO:

 

No dia 17 de fevereiro desse ano, Diego Leonel Fernandes foi levado a julgamento pelo Tribunal de Júri da Comarca de Goioerê. O réu não compareceu para o julgamento uma vez que estava foragido.
A defesa do réu foi feita pelo advogado Abdias Abrantes Neto. A acusação foi feita pelo promotor de Justiça, Marcos Stam, que pediu a condenação de Diego, uma vez que a sua companheira – a vítima Cleuza Chagas – ameaçava denunciá-lo como autor do crime praticado contra Vanderlei Estipinoste envolvendo drogas e não acreditava que mantivesse drogas em sua casa.
No final do julgamento Diego Fernandes foi reconhecido pelo corpo de jurado como autor do crime recebendo a condenação de 15 anos e 9 meses de reclusão.
PRESO.

 

Foi através de informações recebidas pelo delegado de Apucarana, José Aparecido Jacovós, dando conta de que Diego Fernandes, conhecido como “Apucarana”, estará residindo na cidade onde tem familiares.
E, num trabalho da equipe de investigadores da Delegacia daquela cidade, Diego Fernandes foi preso na noite da última terça-feira, 18.
OUTRO CRIME:

 

Diego Leonel Fernandes será transferido nos próximos dias para a cadeia de Goioerê devendo ser encaminhado para a Penitenciária de Cruzeiro do Oeste. Antes porém o delegado Thiago Soares deverá ouvir Diego sobre o outro crime a ele imputado envolvendo o assassinato de Vanderlei Estipinoste dos Santos, ocorrido no dia 20 de março de 2012, na Vila das Candeias crime que teve como origem o tráfico de drogas.

PUBLICIDADE
© COPYRIGHT 2015 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS - Portal Goioerê